This param tag prompts users with Flash Player 6.0 r65 and higher to download the latest version of Flash Player. Delete it if you don’t want users to see the prompt.

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 

Santa Casa está próxima de reafirmar convênio com Iamspe
 

Novo contrato entre instituto paulista entidade santarritense poderá ser assinado em 45 dias

 

A direção da Santa Casa de Misericórdia de Santa Rita do Passa Quatro continua em busca de reaver o convênio com o Iamspe (Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual), desfeito desde o dia 31 de outubro de 2012, quando venceu o contrato com o instituto. Desde a data, a Santa Casa não poderia mais atender pacientes do Iamspe (funcionários públicos estaduais) em Pronto Socorro, internações, raio-X, laboratórios, ultrassonografia e fisioterapia.

No último dia 6 de fevereiro, quarta-feira, foi realizada uma reunião com o diretor do Departamento de Convênios e Assistência Médica (DECAM), do Iamspe, Dr. Wagner Magosso, o prefeito municipal de Santa Rita, Dr. João Roberto Alves dos Santos Júnior, o diretor administrativo da Santa Casa, Mario Lira Junior, e o representante dos usuários do sistema no município, Celso Manarin.

Na ocasião foi reiterado do interesse da Santa Casa em reaver o convênio já no próximo mês de março; o credenciamento de novos médicos, condicionado a vida de novos profissionais e a anuência dos respectivos especialistas no município. Quanto aos exames laboratoriais, estes seriam geridos diretamente pelo Iamspe junto aos laboratórios, a partir de 2014.

O diretor do DECAM se comprometeu em encaminhar novo contrato para análise da Santa Casa em 45 dias a partir da data da reunião.

Entenda o Caso

No dia 8 de outubro de 2012 a direção da Santa Casa foi pega de surpresa com o recebimento de um ofício (datado de 4/10/2012) avisando que o convênio entre a entidade e o Iamspe não seria renovado e os usuários do sistema não poderiam ser mais atendidos no Pronto Socorro, internações, raio-X, laboratórios, ultrassonografia e fisioterapia. O motivo alegado foi o limite de vigência previsto pela lei federal 8.666/93, de 60 meses, além da falta de recursos.

Para que os usuários não fossem prejudicados, imediatamente a direção da Santa Casa determinou que todas as internações de pacientes do Iamspe continuassem sendo feitas via SUS, nos mesmos moldes do convênio. A questão dos laboratórios, porém, dependeria de decisão do próprio Iamspe em relação a cada, e o mesmo para os serviços de fisioterapia e ultrassonografia.

O Instituto

O Iamspe é um órgão vinculado à Secretaria da Saúde do governo estadual, mantido pelo desconto de 2% dos salários dos servidores estaduais sobre cada segurado. O instituto mantém em São Paulo (capital) o Hospital do Servidor Público Estadual (HSPE), mas tenta descentralizar seus serviços por meio de contratos com entidades médicas, clínicas e laboratórios do interior.
 

Legenda da foto: Dr. Wagner Magosso, do DECAM, o prefeito Dr. João Roberto, o diretor da Santa Casa, Mario Lira, a responsável pelo faturamento do Iamsp, Jakeline Leme Bersanetti Moda e o representante dos usuários do Iamspe, Celso Manarin durante a reunião
 


Crédito da Foto: Celso Manarin/MCCA



 

Santa Casa de Misericórdia de Santa Rita do Passa Quatro - Todos os direitos reservados